14/02/2015

Varoufakis foi simpático..,

...talvez para não ferir a sensibilidade germânica, se é que a têm, porque se quisesse ser cáustico com os "anfitriões" do Der Spiegel, poderia fazer a comparação das técnicas da troika com os crimes do nazismo alemão, aproximando-se mais da realidade e daquilo que os Gregos tanto sofreram. Todos os actos de tortura são crimes contra a Humanidade e não há crimes melhores ou piores, mas enquanto a tortura da CIA é  selectiva, abrangendo portanto um número mais reduzido de seres humanos, os campos de concentração de trabalhos forçados e de extermínio, com as suas câmaras de gás, as Waffen SS e a Wehrmacht, foram os instrumentos de morte que Hitler usou para o genocídio e a destruição. A troika não mata com metralhadoras, liquida a esperança e a dignidade de milhões de seres humanos utilizando a austeridade como arma, provocando um autêntico genocídio social, cujos efeitos vão necessitar décadas para sarar. Está nas mãos da cidadania europeia corrigir os erros criminosos das suas elites dirigentes, tentando construir uma União Europeia dos povos, democrática e pacífica. Caso contrário, é bem possível que Angela Merkel consiga com os seus bancos, com o poder do dinheiro e as suas máfias, o que o seu compatriota Adolf Hitler não conseguiu com as armas - um IV reich a dominar todo o continente, sem cidadãos mas com milhões de servos...

Varoufakis compara técnicas da troika a torturas da CIA