10/07/2013

O homem da fisga "botou" faladura...

Perguntando a Lao-Tsé o que pensava ser o mais urgente a reconstruir, o sábio respondeu sem hesitar: «é encontrar o verdadeiro sentido das palavras.» (pensamento chinês)

Mas esta foi a  resposta de Lao-Tsé, que não consta que fosse accionista do BPN, era honesto, e sábio. Que responderia um "génio da banalidade"?
«A banca. Mercados. A troika. Mercados. Os bancos. Mercados.»