07/02/2012

Vai trabalhar, malandro...



Como é que um cretino que passa a vida a lamber as botas da Merkel e de Sarkosy tem o descaramento de considerar os outros piegas?
Como é que um medíocre economista (quantos anos demorou a terminar o curso?), pode dar lições do que quer que seja, a alguém?
Como é que um mentiroso, demagogo, mal-formado, que não tem problemas na vida, tem o descaramento de continuar a insultar aqueles a quem aterroriza a vida todos os dias, roubando-lhes até a esperança, como se fosse um exemplo a seguir? 
Emigre, que este país não pode resistir muito mais tempo sequestrado por canalhas. Vá-se embora, que os amos que serve empobrecendo Portugal e os portugueses, hão-de arranjar-lhe um bom tacho, como é habitual. Aliás, para se ter um futuro dourado neste sistema de corruptos, nada melhor do que ser incompetente. Sempre é uma desculpa, pois as intenções não se podem julgar...